Notícias do Município de Três Barras

Municípios debatem parceria para a normatização da coleta de recicláveis

Municípios debatem parceria para a normatização da coleta de recicláveis

Secretário e médico veterinário da Agricultura e Meio Ambiente participaram da reunião em Canoinhas. Foto: Adriane Hess/Câmara de Vereadores de Canoinhas

Está prevista para a primeira semana de abril a apresentação do projeto que visa regulamentar o serviço de coleta de materiais recicláveis em Canoinhas, medida essa que também atinge os coletores residentes no distrito de São Cristóvão, em Três Barras, mas que exercem a atividade no município vizinho.

Os próximos passos para a normatização do serviço pautaram reunião organizada pelos vereadores canoinhenses na tarde de quinta-feira (1°), na Câmara Municipal.

Presente à reunião, secretário de Agricultura e Meio Ambiente, João Francisco Canani Júnior, avaliou positivamente a iniciativa e destacou a importância dessa ação conjunta entre as duas prefeituras. “Somos parceiros, até como forma de regulamentar a atividade e valorizar as famílias que sobrevivem exclusivamente da coleta de recicláveis”, afirma.

Médico veterinário da pasta, Adrian Costenaro também participou do debate.

Questões como o descarte irregular de resíduos, maus tratos aos animais e a exploração do trabalho infantil reforçam a necessidade da regulamentação do serviço, segundo os idealizadores da proposta.

Atualmente 48 famílias trabalham com a coleta de recicláveis em Canoinhas, segundo cadastramento feito durante o mês de fevereiro pelas secretarias de Assistência Social e Meio Ambiente e também pelos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). “Cerca de 60 desses trabalhadores tem residência fixa no distrito de São Cristóvão”, observa Canani Júnior.

É com base neste cadastro que será elaborado um diagnóstico dos coletadores, contendo dados pessoais, familiares e sobre o trabalho. Essas informações também servirão para a expedição das carteirinhas que irão autorizar a atuação dos profissionais na coleta.

Comissão responsável pela sequência das tratativas será nomeada até o dia 20 de março.

Durante a reunião também foi discutido o projeto Cavalo de Lata, idealizado pelo vereador canoinhense Coronel Mário Erzinger (PR) e que visa a substituição dos veículos de tração animal (carroças com cavalos) por veículos de tração humana como bicicletas motorizadas com compartimento para carga.

O projeto está em fase de estudo e tem como principal objetivo evitar maus tratos aos animais vistos, na maioria das vezes, puxando carroças carregadas com materiais recicláveis.

 

Com informações e fotos de Adriane Hess/Câmara de Vereadores de Canoinhas

 

Publicado por: Assessoria de comunicação em 02/03/2018

Veja mais notícias


Encaminhe suas reclamações, denúncias, solicitações e sugestões.
Tire suas dúvidas. Acesse a ouvidoria Municipal