Notícias do Município de Três Barras

Diretor do Samasa protocola pedido de recursos para ampliação da ETA

Gestão
Diretor do Samasa protocola pedido de recursos para ampliação da ETA

Ernani Wogeinaki durante reunião com o diretor do departamento de financiamento da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, Sérgio Wippel

Para aumentar o volume de água captado no Rio Negro e triplicar a capacidade de tratamento é que o município de Três Barras está em busca de parceria federal para ampliar sua rede de abastecimento e a Estação de Tratamento de Água (ETA).

Na semana passada, em Brasília, o Governo do Município protocolou ofício solicitando recursos de R$ 8 milhões via financiamento junto à Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, ligada ao Ministério das Cidades. Cópia do projeto de expansão também foi protocolizada

A entrega dos documentos foi feita pelo diretor executivo do Serviço Autônomo Municipal de Água e Saneamento Ambiental (Samasa), Ernani Wogeinaki.

Na ocasião ele expôs ao diretor do Departamento Nacional de Financiamento Sérgio Wippel, que a melhoria na distribuição de água potável à localidade do Km 06 e ao distrito de São Cristóvão, por exemplo, estão diretamente relacionadas à execução das obras. “Há um déficit no fornecimento em quase todos os bairros da cidade, mas essas comunidades, especialmente, são as que mais sofrem”, reforça Wogeinaki.

Visitas

Durante agenda, na capital federal, o diretor do Samasa ainda cumpriu a uma série de visitas solicitadas pelo Governo do Município.

Junto ao presidente da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização, senador catarinense Dário Berger, Wogeinaki protocolou oficio pedindo apoio para que o município possa implantar rede de esgotamento sanitário no perímetro urbano.

A obra está estimada em mais de R$ 42,1 milhões, sendo que os projetos básico e executivo já estão aprovados pelo Governo do Estado, estando pendente apenas a revisão final das planilhas orçamentárias.

Três Barras é um dos 15 municípios catarinenses que tiveram projetos elaborados por empresa terceirizada, através de convênio celebrado com o Fundo Nacional de Saúde (Funasa).

Já nos gabinetes de Paulo Bauer (PSDB), Mauro Mariani (PMDB), Marco Tebaldi (PSDB), João Paulo Kleinubing (PSD), João Rodrigues (PSD), Geovânia de Sá (PSDB) e Cesar Souza (PSD) foram protocolados ofícios solicitando a interveniência dos parlamentares para a liberação de recursos via Ministério das Cidades para a construção de 100 unidades habitacionais, além de valores de R$ 200 mil, R$ 170 mil, R$ 844 mil, R$ 800 mil e R$ 2,5 milhões, cujo as propostas estão sob análise de setores do Ministério da Saúde.

 

Publicado por: Assessoria de comunicação em 13/11/2017

Veja algumas fotos desta notícia


Veja mais notícias


Encaminhe suas reclamações, denúncias, solicitações e sugestões.
Tire suas dúvidas. Acesse a ouvidoria Municipal